Prefeitura de Arujá
Evento marca despedidas na Frente de Trabalho
03-06-2016
A Secretaria de Assistência Social de Arujá realizou nesta sexta-feira (03/06) um evento de despedida com as 58 pessoas que concluirão dois anos no Programa Emergencial Auxílio Desemprego (Frente de Trabalho) e o deixarão no próximo dia 9. O prefeito Abel Larini e a chefe da Pasta, Maria Bortone Salles Couto, estiveram presentes.

A atividade foi uma forma de agradecer os beneficiários do programa que ao longo dos últimos 24 meses trabalharam em diversos órgãos da administração municipal e mostrar que a Frente de Trabalho alcançou os objetivos que fundamentaram sua criação, em 2014: reinserir cidadãos desempregados no mercado de trabalho e oferecer cursos e capacitações.

Segundo a coordenadora do programa, Agda Maria Neri Pereira da Silva, pelo menos 50% das pessoas beneficiárias deixaram a Frente de Trabalho antes de completar dois anos porque conseguiram um emprego fixo. “Este é o maior objetivo”, afirma.

Neste sábado, a Assistência divulgará a lista com os nomes das pessoas que participaram de processo seletivo complementar realizado em abril e das 100 primeiras que serão chamadas a integrar o programa.
No evento, o prefeito Abel Larini agradeceu ao empenho de todos, da equipe da Assistência Social, e destacou outros projetos da cidade, como o Renda Mínima, para o qual são destinados 2% do orçamento municipal. “Desejo muita sorte a todos vocês que estão completando dois anos de Frente de Trabalho, que é um orgulho para nós porque mesmo com todas as dificuldades financeiras que existem no País, o programa está sendo mantido. Estamos vivendo um momento histórico da cidade”, disse.

A secretária Maria Luzia Bortone Salles Couto também dedicou sua fala ao agradecimento. “Sou muito grata a cada um de vocês, que tanto evoluíram. Este programa está dando muito certo e apesar de um capítulo terminar na próxima semana, espero que nosso convívio continue”, afirmou.

Também participaram do evento o responsável pelos encontros socioeducativos do programa, Juvenil dos Santos, e a diretora do Departamento de Recursos Humanos da Prefeitura, Paulina Ribeiro Barbosa, que ministrou uma palestra motivacional.

Depoimentos

Voltado a cidadãos que estavam desempregados há pelo menos um ano, o programa possibilitou a realização dos objetivos de diversas pessoas.

No caso da Helena Rosa Solerinho, de 57 anos, ajudou na autoestima. “Tinha acabado de sofrer um infarto e estava com um quadro de depressão quando entrei e hoje estou muito melhor, com a estima alta. Antes eu só ficava em casa e depois fui cuidar de mim. Agora posso conquistar muito mais coisas”, disse.

Aos 33, Diana Aparecida Pereira também apontou melhorias provocadas pela entrada no programa. “Era uma pessoa totalmente tímida, sem experiência e que não tinha coragem nem de sair para pedir emprego. Agora eu vou tranquilamente porque me sinto melhor e confiante”, afirmou.

Já para a Nazareth da Silva Lyra, de 57, a renda do programa fez com que ela terminasse a construção de uma casa. “Até então eu só tinha conseguido levantar as paredes mesmo. A casa não tinha reboco e piso. Fiz todo o acabamento depois que entrei no programa, graças à força do meu suor. Fico muito feliz por isso”, afirmou.

O Programa

Instituída em junho de 2014, a Frente de Trabalho tem objetivo de reinserir no mercado de trabalho os arujaenses que estão desempregados há pelo menos um ano com uma renda mensal de R$ 550, cesta básica, seguro de vida e vale transporte (se aplicável), além de cursos e capacitações profissionais.

Nestes dois anos, o programa beneficiou mais de 440 pessoas. Outras informações podem ser obtidas no telefone 4655 2898.
__

Prefeitura de Arujá
Diretoria de Comunicação

(11) 4652 7719
comunicacao.aruja@gmail.com
Facebook | Twitter


Veja também