Prefeitura de Arujá
Outubro Rosa: Caminhada reúne 1, 5 mil
10-10-2016
A 2ª Caminhada contra o Câncer de Mama reuniu mais de 1.500 pessoas na manhã de domingo, dia 9, no centro de Arujá. Vestidos de rosa, os participantes ocuparam as ruas em manifestação à importância do autoexame das mamas e do cuidado com a saúde por meio da atividade física.

Com o apoio da Prefeitura, o movimento faz parte da campanha Outubro Rosa, instituída pela Lei Municipal 152/2015, de autoria da ex-vereadora Lucia Ribeiro, organizadora da atividade juntamente com uma comissão de colaboradores.

Em sua fala, Lucia enfatizou a importância do autoexame como uma ação preventiva. A ex-vereadora ainda aproveitou a oportunidade para agradecer a toda comissão organizadora que esteve à frente do trabalho desde o início.

Conduzido por um trio elétrico, o público caminhou os 4,5 quilômetros do trajeto com músicas, danças e mensagens de incentivo em favor à saúde da mulher. Antes da largada, todos fizeram aquecimento com os professores de educação física.

“Quero agradecer a presença de cada um que compareceu, pois sabemos que muitas mulheres padecem com o câncer de mama. Diante disso, o que mais vale é fazermos a nossa parte”, disse o secretário adjunto de Esportes e Lazer, Fábio André de Sousa, minutos antes do início.

A caminhada saiu da Avenida Amazonas em direção ao Arujamérica, prosseguindo pelas Avenidas Antônio Afonso de Lima, João Manoel e Praça Bartolomeu Bueno, até a chegada, novamente, na Av. Amazonas. Durante o percurso, a pastora Elisia Bueno orientou sobre a prevenção ao câncer.

Apoio à causa

Participando da caminhada pela segunda vez, Monique Amorim, 27 anos, fez questão de sair às ruas para apoiar a causa depois de terminar o doloroso tratamento contra uma leucemia.

Moradora do Jordanópolis, Monique conta que o câncer foi diagnosticado em abril deste ano. “Fiquei internada cinco meses seguidos, fiz um transplante de medula e todo o tratamento”, disse.

Segundo ela, a descoberta precoce contribuiu decisivamente para o sucesso do tratamento. “Foi o que aconteceu comigo, quanto mais cedo for descoberto, maior é a chance de cura”, afirmou.

Outra que esteve na caminhada pelo segundo ano foi a dona Maria José Siqueira da Silva, de 83 anos. Sozinha, ela saiu do Parque Rodrigo Barreto, onde mora, para participar da iniciativa e apoiar o bem estar da mulher. “Eu adoro fazer caminhada”, relata.

Apesar de ser dedicado às mulheres, o evento também contou com a presença de homens, como o Marcelo Oliveira da Silva, 50, morador do bairro Nova Arujá. Ele afirma que é sempre bom ajudar um movimento que visa o bem das pessoas. Segundo Marcelo, o público masculino deve participar, porque o câncer de mama não atinge apenas a mulher.

Com o tema “Juntos contra o Câncer”, a atividade encerrou por volta das 10h20, no Clube União, onde as mulheres participaram de atividades recreativas, como sorteio de brindes e aula de zumba, ministrada pelos profissionais de academias da cidade.
__

Prefeitura de Arujá
Diretoria de Comunicação

(11) 4652 7719
comunicacao.aruja@gmail.com
Facebook | Twitter

Veja também