Prefeitura de Arujá
Casos de dengue caem 92,5% em um ano
05-01-2017
Em um ano, os casos de dengue caíram 92,5% na cidade de Arujá. Em 2015, o município registrou 280 casos da doença, contra 21 no ano passado. Para manter esse perigo distante, é fundamental que a população mantenha os cuidados necessários e evite a reprodução do mosquito transmissor da doença, o Aedes aegytpi.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o cuidado deve ser redobrado principalmente nesta época de calor e de chuvas, cenário ideal para a reprodução do mosquito.

Tão importante quanto evitar a proliferação do Aedes aegypti com ações simples, é primordial que o cidadão receba em casa as equipes de combate à dengue, à chikungunya e ao zika vírus, principalmente no Parque Rodrigo Barreto, onde normalmente ocorre a maior parte dos casos.

Para evitar problemas e não levar a doença para o próprio quintal, os cidadãos devem cobrir ou descartar, adequadamente, objetos que possam acumular água parada; vistoriar os quintais e manter baldes, tambores e demais recipientes bem tampados. Outras medidas importantes são manter a caixa d'água fechada com tampa adequada e preencher com areia as bordas dos pratinhos dos vasos de plantas.
 
Para os arujaenses que possuem piscina, a orientação é para mantê-la com produtos que eliminam micro-organismos (como o cloro) e cobri-la, sempre que possível.

Além das medidas de prevenção, denúncias de possíveis focos do Aedes aegypti podem ser feitos pelo Disque-Dengue, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, pelo telefone 0800 778 8882.
__

Prefeitura de Arujá
Diretoria de Comunicação
(11) 4652 7719
comunicacao.aruja@gmail.com
Facebook | Twitter

Veja também