Prefeitura de Arujá
Projeto incentiva sustentabilidade e uso racional da água nas escolas
04-05-2017
As Secretarias de Educação e de Meio Ambiente de Arujá estão desenvolvendo em conjunto um projeto de sustentabilidade nas unidades da rede municipal de ensino que envolve, entre outros fatores, o uso racional da água aliado à captação e aproveitamento das águas da chuva.

A primeira experiência deverá ser realizada na Escola Municipal Amadeu de Angelis, no Bairro Arujamérica, com o apoio da Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Arujá (CORA).

Entre as ações propostas pelo secretário de Educação, Márcio Oliveira, e o adjunto Meio Ambiente, Leonardo Godoy, está a instalação de válvulas de retenção de água nos hidrômetros das escolas, conforme a Lei Municipal nº 2821/16, de autoria de Oliveira, com o objetivo de diminuir o consumo.

Márcio explicou que o equipamento pode reduzir em até 40% o valor da conta de água: “Quando o fornecimento sofre interrupção, seja por falta de água ou necessidade de manutenção, pode ocorrer entrada de ar na tubulação e, com o retorno da água, este ar é empurrado, passando pelo hidrômetro, e sendo contabilizado como consumo”.

De acordo com a engenheira Andréia Assis, da equipe de manutenção escolar, a iniciativa será importante para a otimização dos recursos naturais e financeiros. “Com a instalação das válvulas de retenção, vamos gerar uma grande economia nos gastos com água e esgoto, além de conscientização”, concluiu.

__

Prefeitura de Arujá
Diretoria de Comunicação

(11) 4652 7719
comunicacao.aruja@gmail.com
Facebook | Twitter


Veja também