Prefeitura de Arujá
Evento debate os perigos das redes sociais
24-05-2017
A Secretaria de Educação de Arujá, por meio do Núcleo Pedagógico e do Centro de Psicologia e Fonoaudiologia, promoveu nesta quarta-feira (24/05), no Sincomércio, um encontro para discutir com diversos agentes escolares os perigos presentes nas redes sociais, sobretudo no tocante ao jogo “Baleia Azul” (Blue Whale).

A ação tem o propósito de orientar os profissionais que atuam na área, lidando com crianças e adolescentes, e torná-los multiplicadores de informações para ajudar no combate e prevenção a este jogo e aos demais perigos existentes nas redes sociais.

O encontro foi aberto pelo secretário de Educação, Márcio Oliveira, e contou com a presença do prefeito José Luiz Monteiro. Representante da ONG Sustentabilidade Humana, o empresário guarulhense Eduardo Lopes, além de psicólogas e assistentes sociais da Secretaria, abordaram o tema. Em seguida, o assunto foi discutido em uma roda de conversa.

Para o secretário, é imprescindível que os pais e demais familiares, assim como a comunidade escolar, fiquem atentos às atitudes das crianças e adolescentes no que diz respeito ao uso consciente da internet e, especialmente, das redes sociais.

“Pensando nisso, estamos desenvolvendo iniciativas voltadas à conscientização sobre os jogos e grupos, principalmente após casos ocorridos em diversos países e vinculados ao Baleia Azul”, afirmou. “Quando houver suspeita, é preciso que os responsáveis busquem ajuda junto à Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente, a fim evitar essas armadilhas”, concluiu.

Jogo

Baleia Azul é um jogo por meio do qual adolescentes são aliciados a cumprir tarefas ou ‘desafios’ que os incentiva a realizar automutilação e até atentar contra a própria vida. Só na Rússia, acredita-se que o jogo esteja ligado a mais de cem casos de suicídio.​

__

Prefeitura de Arujá
Diretoria de Comunicação

(11) 4652 7719
comunicacao.aruja@gmail.com


Veja também