Prefeitura de Arujá
Alunos da rede municipal recebem livros
22-02-2018

A Prefeitura de Arujá, por meio da Secretaria de Educação, entregou esta semana nas escolas da rede municipal, milhares de livros do Programa Ler e Escrever. Por intermédio de convênio firmado junto ao Governo do Estado, o material vai beneficiar quase 6 mil alunos do 1º ao 5º ano da educação básica.

As obras envolvem as disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática, Ciências, Artes, História, Geografia e Alfabetização, e têm o objetivo de instrumentalizar os professores, fortalecendo o processo de ensino e aprendizagem.


Além dos livros, a Secretaria do Estado da Educação vai promover a formação acerca do programa "Ler e Escrever", capacitando um representante local que assumirá a função de multiplicador das informações junto aos demais envolvidos.


A iniciativa oferece também um livro de atividades para cada aluno do 1º ao 5º ano do ensino fundamental, além do livro do professor e de uma coletânea de textos com diversos gêneros que são entregues somente aos alunos do 1º ano.


O vice-prefeito e secretário de Educação, Márcio Oliveira, ressaltou que a coletânea de textos vai acompanhar os estudantes do primeiro até o quinto ano escolar.


"A proposta é reforçar a alfabetização, o letramento e a matemática, além de oferecer subsídios técnicos aos nossos educadores", afirmou. Os kits de livros, que serão entregues aos alunos nos próximos dias, serão utilizados durante todo o ano letivo.

Material e Uniforme


Dr. Márcio também lembrou que os processos licitatórios para a aquisição de kits de material escolar e de uniformes para os alunos da rede municipal, iniciados no ano passado, encontram-se em fase final.


"Infelizmente ainda não é possível prever a data do encerramento dos certames, uma vez que nos dois processos concorreram 28 empresas no total e, como o volume é muito grande, devido à quantidade de alunos (mais de 10 mil), a `briga´ entre as empresas é proporcionalmente feroz", disse, afirmando ainda que "nestas condições, geralmente os concorrentes ingressam com recursos e que é preciso cumprir todos os prazos previstos em lei", concluiu.

Veja também