Prefeitura de Arujá
Polo da Univesp é inaugurado em Arujá
27-02-2018

Arujá ganhou na noite de segunda-feira (26/02) o primeiro polo de uma universidade pública: a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), que vai permitir que 200 estudantes da cidade possam cursar o ensino superior nas áreas de Pedagogia, Matemática, Engenharia de Computação e Engenharia de Produção. A aula inaugural ocorreu na sede do Lions Clube e contou com a presença dos estudantes e autoridades locais.


Para o prefeito José Luiz Monteiro, esta é uma oportunidade ímpar para os cidadãos de Arujá, que terão acesso a algo de valor incalculável. "O conhecimento abre portas, e esta parceria com o governo do Estado vai oportunizar que as pessoas acessem um ensino superior de alta qualidade. Parabéns por terem vencido a primeira etapa e esperamos em participar da diplomação de todos vocês. Meu muito obrigado a todos os envolvidos", afirmou.


Já o vice-prefeito e secretário de Educação, Márcio Oliveira, ressaltou que a conquista foi possível mediante as contrapartidas da administração municipal, e que a Pasta está de portas abertas para buscar projetos e iniciativas benéficas à população: "Nosso objetivo é servir a todos e buscar cooperação com outras instituições e esferas governamentais para que Arujá progrida em todos os sentidos".


Na oportunidade, a vereadora Ana Poli, que também atuou pela implantação do polo, destacou que a Univesp figura entre as universidades mais importantes do País, o que confere ainda mais credibilidade aos cursos agora oferecidos em Arujá: "Como educadora e legisladora, posso dizer que esse é um marco na história da nossa cidade"


A professora Carla Folch, que vai coordenar o polo arujaense da Univesp, fez uma explanação sobre a instituição, dando detalhes sobre o acesso à plataforma de ensino e o papel de cada facilitador no processo de ensino e aprendizagem: "O polo vai oferecer a infraestrutura necessária com computadores, impressoras e acesso à internet para o estudante participar das atividades da universidade, como provas, discussões em grupo e trabalhos orientados por tutores. Estamos à disposição de todos para auxiliar na construção do conhecimento, que nos ajuda a transformar nossos sonhos em realidade".


Também prestigiaram a inauguração do polo os vereadores Pastor Edmar de Jesus e Professora Cris do Barreto, o presidente do Lions, José Longo Filho, além do ex-vereador isabelense Sílvio Adriano, que representou o deputado estadual André do Prado, a diretora da Etec Arujá, Marilda Britto, a coordenadora da Etec, Rose Mendonça, e Bruno Prado, que representou a Secretaria Municipal de Cultura.



Univesp


A instituição, pública e gratuita, entra em atividade em Arujá por meio de parceria entre os governos estadual e municipal. Com aulas pela internet e atividades presenciais, a universidade foi criada em 2012 pelo governo paulista e é gerida pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação.


A instituição desenvolve cursos em plataforma online onde são ministradas videoaulas, disponibilizado material didático e bibliografias das disciplinas, com o acompanhamento dos tutores.


No local também é possível solicitar serviços de secretaria virtual, assim como tirar suas dúvidas sobre o AVA (Ambiente Virtual de Aprendizagem), que é uma plataforma digital utilizada pelos estudantes para desenvolver as atividades. O polo de Arujá vai funcionar na Escola Técnica Estadual (ETEC) Professora Luzia Maria Machado, que fica na rua Mamede Barbosa, 105, Centro Residencial.


O vestibular, ocorrido em 21 de janeiro, foi disputado por 771 pessoas, que concorreram a 50 vagas para cada curso, sendo o de Pedagogia o mais requisitado, com cinco candidatos por vaga.



Veja também