Prefeitura de Arujá
LDO será concluída em abril
29-03-2018
A Prefeitura de Arujá encaminhará a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para apreciação pela Câmara de vereadores até o final da primeira quinzena de abril. Nesta quinta-feira (29/03), o projeto foi discutido em audiência pública realizada na Prefeitura, com a presença do prefeito José Luiz Monteiro, secretários municipais e parlamentares.

A LDO é o projeto de lei que compreende as metas e prioridades da administração municipal e orienta a elaboração da Lei Orçamentária Anual (LOA), que fixará as receitas e despesas municipais para o próximo ano.

Na audiência, os secretários de Saúde, Educação, Planejamento, Habitação, Serviços, Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Assuntos Jurídicos, Segurança Pública, Cultura e Turismo, Assistência Social, Obras e Esportes e Lazer apresentaram prioridades para suas áreas.

A manutenção de serviços, programas, contratação de pessoal, aquisição de materiais e construção de unidades educacionais, de Saúde e de Assistência Social foram os principais apontamentos. Na área da Segurança Pública, cuja secretaria é recém-criada, as prioridades elencadas foram a compra de duas viaturas, equipamentos e armamento para a Guarda Municipal.

“Entre essas metas, temos a escola do Jordanópolis, que é uma obrigação nossa. Já para a UTI Neonatal estamos procurando alguma alternativa que atenda às necessidades do município”, explicou o prefeito. “E não podemos acreditar que o País sairá da dificuldade econômica tão rapidamente porque o primeiro trimestre está acabando e não se vê mudança significativa. Por tudo isso, a nossa responsabilidade é enorme”, concluiu o chefe do Executivo.

O encaminhamento do projeto e o formato da peça que vai à Câmara também foram assuntos discutidos entre os secretários e os vereadores Luiz Fernando Alves de Almeida e Sebastião Vieira de Lira, o Paraíba Car. O documento voltará a ser debatido com o Legislativo nos próximos dias por meio da Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária.

As vereadoras Ana Poli e Cristiane Araújo Pedro, a Cris do Barreto, também participaram da audiência pública.


Veja também