Prefeitura de Arujá
Greve: UBSs não abrem na quarta
29-05-2018
As Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e o Ambulatório de Saúde Mental de Arujá (CAPS) não terão expediente nesta quarta-feira (30/05), em virtude dos prejuízos ao atendimento que refletem a greve dos caminhoneiros. Nesta terça aumentou o número de servidores que não conseguiram chegar aos postos de trabalho.

A greve causa dificuldades também em outros serviços públicos:

Educação


Assim como anunciado na segunda-feira, as aulas nas escolas municipais estão suspensas até a próxima segunda-feira (04/06). A decisão leva em conta as dificuldades no transporte escolar, o número reduzido de alunos registrado nas unidades e os iminentes problemas de acesso dos servidores aos locais de trabalho.

Esporte

Na Secretaria de Esportes e Lazer o baixo número de alunos também provocou o cancelamento das aulas do Programa Municipal de Esportes (Promesp).

Assistência Social

Até esta terça-feira, todas as unidades da Secretaria de Assistência Social mantêm atendimento normal. No entanto, não está ocorrendo o atendimento domiciliar e a entrega de cestas básicas, serviços que necessitam do uso de automóveis.

Combustíveis


Também nesta terça o prefeito José Luiz Monteiro disponibilizou os postos de combustíveis da cidade para o abastecimento aos veículos da população em geral. A medida ocorre um dia após ser decretado estado de emergência no município, que autoriza, caso haja necessidade, a requisição do estoque de combustível existente nestes estabelecimentos.

Na tarde desta terça o combustível já era comercializado em postos das Avenidas João Manoel, Amazonas e da Estrada de Santa Isabel, na Vila Pedroso, na altura do número 747.

Festa suspensa

Outra medida já anunciada é a suspensão da programação do aniversário de Arujá, que teria início nesta quarta-feira (30/05). As atividades tanto na Praça Benedito Ferreira Franco (Coreto) quanto no Centro Residencial estão suspensas até que haja uma nova avaliação da situação no município.

Limpeza pública


A operação do serviço de coleta de lixo segue sendo realizada normalmente na cidade, assim como o de limpeza de vias.

Transporte coletivo

A concessionária responsável pelas linhas municipais de transporte coletivo mantém a frota com redução de 15% nos horários antes das 7 e após as 15 horas, considerados de pico. Nas demais horas do dia o serviço é feito de acordo com a demanda de cada linha, sendo que algumas têm operado com o horário de sábado.​
Veja também