Prefeitura de Arujá
Saúde Mental realizou confraternização
12-12-2018
Equipe e pacientes do Ambulatório de Saúde Mental de Arujá confraternizaram nesta quarta-feira (12/12) em um evento com muita música, dança e outras expressões de arte. A ação de finalidade terapêutica é um estímulo importante para a socialização entre os usuários do serviço.

Apresentações de danças cigana e do ventre e de violão e voz marcaram a confraternização. “Estarmos juntos e comemorarmos o ano, socializando com arte, é a parte mais importante deste momento”, explica a psicóloga da unidade, Zenaide Alves.

A secretária de Saúde, Carmen Pellegrino, compareceu à atividade e destacou os servidores e voluntários do serviço. “O Ambulatório é fundamental para prestar auxílio a cada paciente, por meio de tratamento médico e terapêutico que proporcionam a convivência em grupo, permitindo a integração social. O trabalho tem eficácia graças ao empenho da equipe, que está aqui, no dia a dia, sempre a postos para melhorar a qualidade de vida dos usuários”, disse.

Oficinas

Entre as principais atividades desenvolvidas na unidade estão as oficinas terapêuticas. Sonia Maria Marzulli é voluntária e responsável pelas aulas de meditação e relaxamento e contou que a atividade é vital para pessoas com quadros de ansiedade e depressão.

“Além do relaxamento e da meditação, passo muito exercício físico para eles. Geralmente são pessoas que passavam muito tempo em casa, estavam obesas e sentiam muitas dores. Por isso, faço questão que sintam-se melhores desde o primeiro dia de oficina”, disse.

Maria Helena da Costa é paciente desde 2012 e relatou já não sofre de dores na coluna como há seis anos. “Eu tomava remédios e já não preciso mais, então a sexta-feira (dia da oficina) é sagrada para mim. Assim que comecei a vir melhorei e sinto muita falta quando não faço, por algum motivo”, disse.

Também paciente, Maria José de Andrade ressaltou a amizade entre a turma que participa da oficina. “É uma coisa maravilhosa e ela (Sonia) é muito legal. No meu caso, o problema era a ansiedade e hoje me sinto outra pessoa”, afirmou.

A unidade

O Ambulatório de Saúde Mental fica na Rua Prestes Mais, 76, na Vila Riman, e funciona de segunda a sexta-feira, das 7 às 17 horas. Atualmente, desenvolve oficinas terapêuticas de artes plásticas, crochê, pintura em tecido, meditação e relaxamento, lãs e linhas, além do programa antitabagismo.

Outras informações sobre o serviço podem ser obtidas no telefone 4655 1550.
Veja também