Prefeitura de Arujá
Servidores da Saúde têm curso de humanização
14-12-2018
Os servidores da Secretaria de Saúde estão participando do curso Humanização e Acolhimento nas Unidades Básicas de Saúde de Arujá. A aula inaugural foi nesta sexta-feira (14/12), na Câmara de vereadores.

A atividade foi comandada pelo odontologista e professor de clínicas integradas na atenção básica, Erico Vasconcelos, que elaborou o conteúdo da capacitação em conjunto com a coordenadora da Estratégia Saúde da Família (ESF) da cidade, Luciana Baier.

Todos os servidores da Secretaria farão o curso, que será dividido em quatro encontros com grupos de 50 pessoas. O objetivo é provocar reflexões, abordar temas do dia a dia das UBSs e motivar os trabalhadores da área. “Para atender bem, o funcionário também precisa estar bem. Por isso que cada encontro tratará de um tema específico, incluindo dificuldades e qualidades”, afirma Luciana.

Na atividade desta sexta, Vasconcelos falou sobre moral e ética, apresentou vídeos de descasos de médicos com pacientes e reportagens jornalísticas que abordam pobreza, falta de sentimento coletivo e respeito às diferenças.

“O SUS nasce da revolta de um povo que demandava mais serviço e é fruto da 8ª Conferência Nacional da Saúde (1986). O que o sustentou foi o sucesso do programa de agentes comunitários de saúde, em conjunto com as enfermeiras das unidades, lá em 1990. São necessárias a abertura de diálogo em todos os espaços do SUS e a aproximação da gestão com os trabalhadores e vice-versa”, disse.

O Sistema Único de Saúde (SUS) e a Política Nacional de Humanização (PNH) são o tema do primeiro encontro. Cultura de paz e não violência; qualidade no atendimento em UBSs e a apresentação dos projetos desenvolvidos no curso para serem aplicados em cada UBS completam o cronograma.

Veja também